Vivendo a Adolescência

Corpo da Menina


Conhecendo o corpo das meninas

Quando somos crianças, o corpo das meninas tem bastante semelhança com o dos meninos, a diferença que percebemos são os órgãos genitais (vagina e pênis) ou por outros nomes populares que conhecemos.

Porém, quando vai chegando a adolescência o nosso corpo começa a se transformar, os seios começa a crescer, a primeira menstruação chega, os pelos aparecem, crescemos rapidamente, e nossos pensamentos, desejos e sentimentos já não são mais os mesmos e, é claro, estranhamos um pouco tudo isso e aparecem muitas dúvidas. Mas o que será que está acontecendo? É normal tudo isso?

 

Quer saber por que isso acontece?

Com certeza você já deve ter ouvido falar que nosso corpo produz substâncias chamadas hormônios. Os hormônios são “mensageiros químicos” muito importantes que influenciam na transformação do nosso corpo como, por exemplo, o hormônio do crescimento (Somatotrofina), produzido pelo celebro, assim como os hormônios sexuais, conhecidos como estrógeno e progesterona, que são produzidos pelo ovário da mulher.

Existem muitos outros hormônios, como a prolactina e os andrógenos, presentes tanto no corpo masculino quanto no corpo feminino, em diferentes quantidades, que também são responsáveis pela transformação de um corpo de criança, passando pela adolescência até chegar a ser um corpo de adulto. Neste processo, existem também outras substâncias chamadas de neurotransmissores que tem a função de, como a palavra já diz, transmitir os impulsos nervosos de uma célula a outro contribuindo assim com as mudanças e transformações do nosso corpo.

 

Agora, vamos saber um pouco mais sobre essas mudanças?

Lembre-se que algumas mudanças são internas, não conseguimos ver e muitas vezes nem percebemos elas acontecendo, enquanto que outras são externas, ou seja, logo vemos acontecer.

 

 

As principais mudanças no corpo da menina são:

  • O desenvolvimento das mamas (seios);

  • A cintura fica mais fina;

  • O quadril se desenvolve;

  • Começam aparecer pelos, principalmente embaixo das axilas e na região pubiana (da vagina);

  • Ocorre a primeira menstruação, chamada de "menarca", costuma acontecer entre os 10 a 12 anos de idade, lembrando pode ocorrer antes ou depois dessa idade;

  • A vagina fica com a parede mais espessa;

  • O útero aumenta de tamanho;

  • Aumenta a irrigação sanguínea do clitóris;

  • A voz também muda ficando um pouco mais fina;

  • O crescimento em altura acelera;

Não se esqueça de que essas mudanças acontecem durante o período da adolescência, mas não pense que as mudanças no corpo ocorrem somente neste período da vida. Afinal, desde que o espermatozoide fecunda o óvulo da mulher, nosso corpo começa a se desenvolver e mudar e essas mudanças seguem acontecendo na idade adulta ate nossa morte.

 

Vamos conhecer agora o desenvolvimento das mamas (seios) e o crescimento dos pelos pubianos


 

  • Mamas - 1 somente elevação da papila, 2 aparecimento do broto mamário, 3 aumento da mama e da aréola, sem separação dos seus contornos, 4 projetção da aréola saliente em relação ao contorno da mama, 5 aréola volta ao contorno da mama, saliência da papila (mama adulta)
  • Pelos - 1 ausência dos pelos, 2 aparecimento dos primeiros pelos longos, finos e lisos ao longo dos grandes lábios, 3 pelos mais escuros, mais espessos e encaracolados parcialmente sobre o púbis, 4 pelos mais escuros, espessos e encaracolados cobrindo totalmente o púbis, sem atingir as raízes das coxas, 5 pelos estendendo-se até as raízes das coxas.

 

Conhecendo os órgãos genitais femininos


                    parte externa

  • Pelos Pubianos - Os pelos pubianos protegem o órgão genital, por isso existe uma grande concentração ao seu redor;
  • Grandes Lábios - Os grandes lábios são as duas pregas de pele que protegem a região do canal da vagina, uretra e clitóris.
  • Pequenos Lábios - Os pequenos lábios também são duas pregas de pele menores e mais fechadas que protegem a região do canal da vagina, uretra e clitóris.
  • Canal da Vagina - A vagina é um canal de mais ou menos 7 a 9 cm, e tem sua abertura para fora do corpo, seu fundo está ligado ao colo do útero. Se colocarmos o dedo dentro da vagina, perceberemos que ela é toda enrugada e elástica, pois na hora da relação sexual essa elasticidade servirá para que ela se adapte ao tamanho do pênis. Outra mudança que ocorre na vagina na hora da relação sexual, é que durante a excitação ela se lubrifica, ficando assim molhada, o que facilita na hora da penetração.
  • Canal da Uretra - A uretra é o canal por onde sai a urina, ela começa na bexiga e termina com sua abertura entre o clitóris e a entrada da vagina.
  • Clitóris - O clitóris é o órgão do prazer sexual. Ele fica quase todo escondido dentro do corpo, e somente a sua ponta (chamada glande) aparece na parte de cima da vagina. A glande do clitóris é extremamente sensível à estimulação suave, enquanto que o corpo clitoriano responde a estímulos mais profundos como pressão e fricção.


Os músculos perivaginais, que ficam em torno da vagina, têm importante participação na função sexual. O bom condicionamento dessa musculatura melhora a intensidade tanto da excitação sexual como do orgasmo.


parte interna

  • Útero - O útero é um órgão interno, oco por dentro, responsável por receber o óvulo fecundado e gerar a gravidez; ele fica posicionado próximo à bacia da mulher e tem seu formato parecido com uma pêra. Sua parte mais fina está ligada com o colo do útero e a sua parte mais longa está ligada às trompas de falópio ou tubas uterinas.
  • Colo do Útero - O colo do útero faz a ligação do útero com o canal da vagina, é através de uma abertura (buraquinho) que a menstruação sai e os espermatozóides entram.
  • Trompas de Falópio - As trompas de Falópio, também conhecidas como tuba uterina, são dois tubos, um de cada lado do útero, que fazem a ligação do ovário com o útero. As suas pontas são como franjas que têm a função de agarrar o óvulo quando este é liberado pelo ovário, colocando-o dentro do tubo para que esse seja encaminhado até o útero. É nas trompas também que ocorre a fecundação, (encontro do óvulo com o espermatozoide).
  • Ovários - Os ovários são duas glândulas, do tamanho de azeitonas, localizadas uma de cada lado do útero. Eles são responsáveis pela produção dos hormônios femininos (estrogênio e a progesterona), armazenamento e amadurecimento dos óvulos. Os ovários começam a trabalhar a partir da primeira menstruação da mulher e se mantêm ativos até a ultima menstruação, quando a mulher entra na menopausa (ausência da menstruação).
  • Óvulo - O óvulo é a célula reprodutora da mulher, responsável pela fecundação. Após o óvulo ser liberado pelo ovário ele permanece com capacidade de ser fecundado por até 24 horas, perdendo sua ação após esse tempo e sendo absorvido normalmente pelo corpo, quando não fecundado. A cada ciclo menstrual, um óvulo é amadurecido e liberado por um ovário de forma alternada.
  • Ovulação - A ovulação é a saida do óvulo do ovário como podemos ver na imagem abaixo.
     

  • Endométrio - O endométrio é uma parece que recobre a parte interna da cavidade do útero. Durante o ciclo menstrual ele se prepara para receber o óvulo fecundado (ovo). Quando não ocorre a gravidez, essa camada se desprende da parede do útero saindo em forma de menstruação.

 

Agora, vamos conhecer sobre menstruação, ciclo menstrual e período fértil?

A menstruação ocorre devido à preparação do endométrio para receber o óvulo fecundado (ovo). Quando isso não ocorre, essa parede começa a se soltar, saindo em forma de sangramento. Isso pode provocar, em algumas mulheres, cólicas pré-menstruais. A menstruação é usada como um primeiro sinal para uma gravidez, se ocorrida normalmente pode significar que a mulher não está grávida, se atrasada, pode significar que a mulher está grávida, então é importante procurar um posto de saúde e fazer o teste de gravidez. Porém é importante sabermos que cada mulher tem um ciclo diferente, a menstruação pode adiantar ou atrasar em relação à data prevista, assim como mudar o fluxo e a cor entre uma menstruação e outra, entendeu a importância de se conhecer?

Ciclo Menstrual

O Ciclo menstrual é o período entre uma menstruação e outra, ou seja, começa no primeiro dia da menstruação e termina um dia antes da próxima menstruação ocorrer. Assim, se contarmos os dias entre uma menstruação e outra, teremos qual foi o período do ciclo menstrual.

Período Fértil

É o períodoem quer a mulher tem uma maior chance de engravidar, ele tem a duração de até 06 dias, sendo que a ovulação pode ocorrer 14 dias antes do primeiro dia da menstruação seguinte. Não tem como prever exatamente quando essa data irá ocorrer, pois o ciclo menstrual pode variar entre um mês e outro.

 

Seu corpo lhe pertence!

Como você pode perceber, quase todos os órgãos genitais femininos ficam dentro da mulher, diferente dos órgãos genitais masculinos que ficam quase todos na parte externa do corpo. Por muito tempo e até hoje, a maioria das mulheres não foram ensinadas a se conhecer, olhar e tocar em sua vagina, uma das áreas mais sensíveis do corpo ligada diretamente ao prazer sexual da mulher. Por isso, é fundamental que você menina, mulher, se conheça, se olhe, se toque e se sinta, assim você pode conhecer e cuidar cada vez mais e melhor do seu corpo, afinal ele te pertence!

 

De qualquer forma, se você tiver alguma dúvida, procure um(a) profissional de saúde, pois ele(a) pode dar boas orientações e te ajudar a enterder as mudanças que estão acontecendo com seu corpo.

Aproveite também para conhecer a "Caderneta de Saúde da Adolescente" um material elaborado pela Área Técnica da Súde do Adolescente e do Jovem do Ministério da Saúde, que traz informações importante sobre o corpo e a saúde das adolescentes. Clique na imagem abaixo para acessar a cadernneta em pdf.
 



Saiba mais sobre como cuidar do seu corpo e como defender seus direitos, visitando as outras páginas do nosso portal.


Compartilhe


Entre em Contato

E-mail: contato@adolescencia.org.br

Siga nas Redes Sociais

As informações oferecidas nesta página têm caráter educativo e informativo, sendo assim, não dispensa, em hipótese alguma, uma consulta com um/a profissional de saúde.
Qualquer dúvida, você deve sempre procurar a ajuda de um/a profissional de saúde. É proibida a reprodução do conteúdo total ou parcial dessa página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização por escrito da Reprolatina. Vivendo a Adolescência®© - Todos os direitos reservados 2000 – 2013.

Desenvolvido pela S3Web